Ocorreu um erro neste dispositivo

domingo, março 30, 2008

A mentira de Fátima. Por padre Mário


O santuário de Fátima celebrou ontem um protocolo de cooperação com a GNR, na presença do secretário de Estado do Ministério da Segurança Interna, para a instalação de câmaras de videovigilância em todo o recinto, com destaque para as imediações das duas basílicas e da chamada Capelinha das aparições. A decisão não pode ser mais reveladora da Mentira e do Crime que Fátima e a sua senhora são. E ainda vão lá as populações inseguras pedir segurança para si e para os seus, e as populações sem presente vão pedir presente e futuro para si e para os seus. Ponham aqui os olhos. Vejam que nem eles, os donos de Fátima, acreditam que a senhora/deusa preste para alguma coisa, a não ser como fábrica de fazer dinheiro, muito dinheiro, e alienação, muita alienação. As câmaras de videovigilância destinam-se sobretudo a impedir que o dinheiro e o ouro das "ofertas" dos "devotos" vá parar a outras mãos, que não às dos clérigos que são os donos e os administradores dos cofres, estrategicamente espalhados pelo recinto, e cujas bocas estão sempre bem abertas e prontas para as receber/sugar e levar directamente para o Tesouro do santuário, cada vez mais gordo! Olhem que eles não fazem como vocês os ingénuos "devotos", não pedem à senhora que defenda e defenda as ofertas. Não confiam nela. Apenas nas câmaras de videovigilância e nos homens e nas mulheres da GNR! Abram-me esses olhos, populações do meu país. E do resto do mundo. Basta de Obscurantismo. E vós, meus irmãos Bispos, que assistis a tudo isto, ou tendes a audácia de desmascarar toda esta Mentira e todo este Crime, ou incorreis num Crime ainda maior e sem perdão. E, em tal caso, melhor fora que não tivésseis nascido. Pelo menos, como Bispos da Igreja.

Padre Mário

2 comentários:

Iria disse...

Quem diria

Mamede disse...

hehe, mas em casegas é só revolucionários?
Ainda bem porque há poucos.
Eu ando à procura de tudo o que são documentos que desmintam o "dito" milagre.