Ocorreu um erro neste dispositivo

sexta-feira, abril 28, 2006

VINTE E CINCO DE ABRIL, SEMPRE!

Quero antes de mais agradecer ao Asno a possibilidade que me dá de também poder contribuir com as minhas ideias no "CASEGAS VAI NUA".
E Casegas vai mesmo nua, mas esta nudez não é dos dias de hoje apenas. A nudez é também de ontem e vai ainda continuar amanhã. Porque houve um tempo, um momento próprio e oportunidade para que as coisas pudessem acontecer bem mais positivamente. O futuro de Casegas esteve efectivamente nas mãos da juventude, mas os erros pagam-se !... E é bom que todos aprendamos com os erros do passado. É que na vida temos de estar sempre com moral e ética e quando nos "embebedamos" com o poder ou quando esse poder nos sobe à cabeça podemos deitar tudo a perder. Há sempre uma explicação para as coisas e nós também somos culpados. E digo nós, com referência aos que continuam a sonhar, porque ainda vale apena alimentar o sonho. A esperança é sempre a última a morrer. Efectivamente houve um 25 de Abril em Casegas, mas é necessário, urge um segundo 25 de Abril em Casegas , mas este também chegará! Temos que dar tempo ao tempo!...
E porque muitos de nós vivem longe da nossa terra, e porque a sentem, a amam, aqui vos deixo mais um poema, que foi arquitectado a sonhar em Casegas:


A minha RUA é de terra nua,
De terra crua ! ...
E é ainda da Beira
Fica bem lá no fundo da aldeia,
No Squeirô, ... bem juntinho à Eira


A minha RUA é de terra batida,
Com a chuva, lamacenta ! ...
A sombra é a dos plátanos
O casario é mesmo assim ...
De xisto, portadas e varandas em madeira


A minha RUA é da Beira
Nos contrafortes da Estrela
O ar , é puro da serra ! ...
É brisa! ... é vergasta! ...
Que refresca e açoita, mas tempera .


A minha RUA é de gente pobre,
Os rostos de gentes tisnados
Olhares endurecidos
Os gestos pelo trabalho forjados
O coração e alma são cristal
Bronze de carácter sem igual


Na pobre da beira da minha RUA,
O meninos da minha aldeia
Ainda brincam à bilharda,
Ao calhote e saltivão ! ...
Ou em covinhas de terra batida, na Eira,
Ao jogo da berlinda !...


Pobres meninos
Da pobre da Beira da minha ALDEIA ! ...

Feijoada 25 de abril

Podiam ter enviado um pratito ao Asno...

quarta-feira, abril 26, 2006

E da feijoada e caminhada?

Não hà ninguém que envie umas fotos da feijoada do 25 de Abril ed a caminhada?
Enviem para asno@sapo.pt.

domingo, abril 23, 2006

Os Tós e a vianda...

(clique para aumentar)
(clique para aumentar)

Lembra-se do mais belo espaço de Casegas? Exactamente, o jardim da Capela de Santo António. Agora está neste estado, pois…Quem não sabe do que se passa dirá que terá por ali passado uma vara de javalis…E perguntam vocês: -“Porque carga de água Almocreve?” -E perguntam muito bem, então eu passo a explicar: A família Pereira que semeou, plantou e tratou do ex-brinco da aldeia (e local preferido dos pombinhos para tirarem fotos após o matrimónio), foi proibida pelos Tonhos, Matacão e Catrapão de regar o jardim, alegando estes dois Tós, ser a conta da água demasiadamente onerosa. PIMBA! Chupa que é caroço família Pereira, andastes vós uma vida inteira a tratar o jardim, a gastar provavelmente já algumas centenas de contos de réis e a dar cabo do costolado, para verdes o vosso trabalho e dedicação ir todo “p´ró galhetas”…Embrulhai! Tomai que já almoçastes! Que tamanha injustiça e rudeza nunca vi tal demonstração de ingratidão…tal qual os suínos que não conhecem a pia onde comem a vianda ou ainda os cães que mordem ao dono. Agora está cavado que está melhor...qualquer dia já nasce erva, faz a mesma vez...tal e qual...! São estes actos indecorosos que me afrontam e ao mesmo tempo enojam! É que toda a gente paga a conta do tratamento dos resíduos sólidos (o vulgo triturar do cagalhão) sem que o mesmo exista, e ninguém bufa, regam-se as plantas na berma da ribeira com água da rede pública e o Zé Povo compõe as palas e baixa as orelhas, se for para regar o famigerado e o agora moribundo jardim já aparecem uns Tonhos quaisqueres a ditarem o abandono e a seca do Jardim…Envergonhe-se senhores, tenham respeito pelo trabalho das pessoas, pela aldeia e pela natureza! Até breve! Vou dar ali umas voltas no arrocho do Asno, anda-se a queixar que a carga anda mais pesada dum lado…Que aquilo quando se lhe vira a carga, começa-se a sacudir e é o "fujam da frente"!

sábado, abril 22, 2006

Nem era 25 de Abril...!

















evolução!

Mais uma vez, como não poderia deixar de ser, a Casa do Povo de Casegas irá fazer a feijoada comemorativa do 25 de Abri, penso que as inscrições estão também abertas ás terras vizinhas.
O preço é de 6 aérios para os sócios e 8 aérios para os não sócios.
Bom apetite e boas lutas!

Do mal dizer...

(clique para aumentar)
Infelizmente após 32 anos da revolução de 25 de Abril de 1974, continuam a aparecer vestígios resistentes do conveniente analfabetismo de outrora e de agora.
A pedido de várias famílias, foi-me solicitado que fizesse um post alusivo ao jumental sinal mal colocado (e mal colocado, porque a aldeia não começa onde se avistam casas) na entrada da povoação. “E porquê?”, perguntam vocês…e perguntam muito bem! Reparem na forma ignorante como é escrita a palavra “Benvindos”, terá casegas em tempos pertencido a alguma família de senhores chamados Benvindos, é que eu saiba, não existe ninguém em Casegas com esse nome de família…Conheço é os Buendia, mas esse são os do Gabriel Garcia Marquez (sugestão: podiam começar por ler este).
È que se o que se pretendia, era desejar as boas vindas a quem por aqui passa, deveria estar escrito antes da palavra “Casegas” (e não depois): “Bem Vindos”!.
E isto sim, é mal dizer…Não o que se faz neste blog, como dizem os/as mais linguarudas (os).
Que acha caro leitor? A saudação está “bendita” ou “maldita”?
PS:Aguardo pacientemente que a alma caridosa que pintou a palavra da 1ª vez, a volte a pintar, pois para nossa infelicidade e vergonha, a tinta já está quase a saír como se vê na foto.
Até Breve!

sexta-feira, abril 21, 2006

Parabéns!

Parabéns "Casegas Vai Nua"!

-Ultrapassou os 3000 visitantes
-Top de média diária de Páginas 122º (ranking nacional)
-Top de visitas diárias 255º (ranking nacional)

Obrigado pelo pão que nos dás!


(atenção que estamos a falar de um ranking de milhares de blogs, até doi!!)

terça-feira, abril 18, 2006

E.T.A.R.(Edificio Trambolho Algures na Relva)



Esta merda não era para tratar merda? Então quem é o cabeça de cagalhão responsável pelo seu não funcionamento? E se toda a gente mijasse para a baratíssima conta da água, fizesse pasta de papel misturada com borreira de galinha e bostas de boi e a utilizasse como arma de arremesso contra a porcaria das limusinas dos nossos autarcas da caca, que vêm á nossa terra só para fazer esterco? Era boa não era?Pobre casegas que é esgoto para todo o excremento...
Depois é: Ah, e tal, aquilo na internet é só dizer mal...Héith!
Olhem, se a arranjarem depois deste post, testem-na com os vossos cérebros!

TEMOS DE DIZER: NÃO A ESTA ERVA!!

sexta-feira, abril 14, 2006

Vox populi, vox Dei!!!!!


Então eu vos disse:Não vos atemorizeis, e não tenhais medo deles. O Senhor vosso Deus, que vai adiante de vós, ele pelejará por vós, conforme tudo o que tem feito por vós diante dos vossos olhos, em Casegas. Mas nem ainda assim confiastes no Senhor vosso Deus, que ia adiante de vós no caminho, de noite no fogo e de dia na nuvem, para vos achar o lugar onde devíeis acampar, e para vos mostrar o caminho por onde havíeis de andar.(Asno cap I, vs 29, 33)

Estrada Casegas - Paul


De acordo com uma notícia veiculada no Jornal do Fundão n.º 3113, de 13 de Abril de 2006, a Câmara Municipal da Covilhã decidiu, finalmente, adjudicar as obras de melhoria e requalificação da estrada que liga Casegas ao Paul. Passo a citar o mesmo:

"Estrada Casegas - Paul adjudicada por 350 mil euros
A empreitada de beneficiação do caminho rural entre as freguesias de Paul e Casegas, foi adjudicada, no passado dia 4, à empresa Contruções António Maurício Joaquim, no âmbito de um despacho do presidente da Câmara. A obra, considerada pela autarquia de "grande importância para o desenvolvimento do Concelho», está orçada em 350 mil euros e prevê-se que esteja concluida até ao final do próximo Verão."

Ao que eu digo - Já não era sem tempo!!!

Contudo, segundo consta, a mesma obra limitar-se-á ao repavimento do piso já existente, pelo que se perderá uma grande oportunidade de se poder reestruturar o actual trajecto, eliminando curvas perigosas e subidas/descidas acentuadas.

Infelizmente é este o país em que vivemos!!

quinta-feira, abril 13, 2006

Campo de futebol? Ou Pista de Moto Cross?




Por favor, será que alguém é capaz de informar os asnos que fizeram esta merda que apesar de não parecer aquilo ainda é um campo de futebol.

Peço desculpa pela linguagem mas isto é absolutamente revoltante!!!

Auto-estrada da bocanheira... Uma via de futuro!!!


Ainda que pequena gostava de deixar aqui a minha contribuição com esta magnífica foto da Auto-Estrada da Bocanheira. Mais uma grande obra dos homens com maior visão que já passaram por Casegas!!

Já agora, alguém consegue arranjar umas fotos do "Palácio de Belém" e da Alameda do FernãoBuque? Ou então umas fotos do "Palácio de São Bento" e do jardim seco (vulgo vaso de flores secas) que colocaram em frente.
Se arranjarem mandem para o calhondra@gmail.com

quarta-feira, abril 12, 2006

PASSATEMPO





Ora aqui vai mais uma iniciativa "Casegas Vai Nua"!

É simples, o passatempo consiste em encontrar diferenças entre as duas imagens, maaaaas, vamos por aqui umas pedritas para dificultar um pouco a tarefa...
Não vale assinalar:
-Um deles está em frente a um posto médico o que é excelente, principalmente para quem sofre do “Mal da Mina”
-Um deles está a transbordar de lixo, que fica ao alcance de qualquer criança ou de qualquer animal com o qual ela brinque.
-Um deles está localizado numa zona onde brincam crianças diariamente em risco de contraírem doenças infecto-contagiosas
-Um deles não é porra de Ecoponto nenhum!!
-Um dele não tem qualquer tipo de sinalética ou cor de forma a distingui-los uns dos outros de forma a poder fazer-se a devida separação.
-Um deles está virado para a reserva de burros apresentada no blog Máfia da Cova neste artigo:
http://mafiadacova.blogspot.com/2006/04/equdeos-ao-poder-hi-hi.html

Boa sorte!!!

terça-feira, abril 11, 2006

Que feio senhor presidente!!

Mais esta para quem vê menos bem!
(...e se não chegar clique para aumentar)
(...e não se lembrar de fazer aqui o posto médico...Não digam mal da festa!)

Pois é, outra vez apanhado pelos cascos do asno…Este é o “Eco ponto” de Casegas, refiro-me claro, ao Barracão e não à montanha de lixo tuti-fruti (ou seja, sem separação) que cresce dia a dia, cuja justificação de existência, segundo o nosso querido presidente, explica “á boca cheia” na Assembleia municipal:
-São os comunistas que o vão lá despejar!
Ora, eu não tenho nada contra ou a favor dos senhores militantes ou simpatizantes do PCP, mas senhor presidente, tenha vergonha, porque se quando abre a boca é para dizer asneira, vale mais estar calado…(a não ser que o Fernado e o Peidófilo sejam comunistas). Porque calunias de tamanho mau gosto, não são apreciadas pelo Jesus...Que feio, um homem tão grande a mentir...Olhe, aproveite a quadra festiva que atravessamos e vá-se confessar…A propósito, ainda é Testemunha de Jeová ou já mudou para o C.D.Minas da Panasqueira?

segunda-feira, abril 10, 2006

Casa do Povo


Caros bloggers e caseguenses,

Gostava de lançar mais uma farpa, além da já usual problemática relacionada com a inactividade e incompetência da Junta de Freguesia... O que acham do trabalho desenvolvido pela Casa do Povo nos últimos anos?!

Eu pessoalmente acho que se poderá fazer muito mais e melhor. Além disso, por enquanto, nós, mentes livres, ainda temos hipóteses de tentar mudar algo, de fazer mais e melhor... até que os tais que nós sabemos decidam também meter-se por lá e matar definitivamente a nossa terrinha.

O pequeno contributo de todos acabará por fazer uma grande diferença no somatório final. Pensem nisso!!!

Saudações caseguenses

Cantinho das Variedades - História de Portugal (ultra-condensada)

Tudo começou com um tal Henriques que não se dava bem com a mãe e acabou por se vingar na pandilha de mauritanos que vivia do outro lado do Tejo.
Para piorar ainda mais as coisas, decidiu casar com uma espanhola qualquer e não teve muito tempo para lhe desfrutar do salero porque a tipa apanhou uma camada de peste negra e morreu. Pouco tempo depois, o fulano, que por acaso era rei, bateu também as botas e foi desta para melhor. Para a coisa não ficar completamente entregue à bicharada, apareceu um tal João que, ajudado por um amigo de longa data que era afoito para a porrada, conseguiu pôr os espanhóis a enformar pão e ainda arranjou uns trocos para comprar uns barcos ao filho que era dado aos desportos náuticos. De tal maneira que decidiu pôr os barcos a render e inaugurou o primeiro cruzeiro marítimo entre
Lisboa e o Japão com escalas no Funchal, Salvador, Luanda, Maputo, Ormuz, Calecute, Malaca, Timor e Macau. Quando a coisa deu para o torto, ficou nas lonas só com um pacote de pimenta para recordação e resolveu ir afogar as mágoas, provocando a malta de Alcácer-Quibir para uma cena de estalo.
Felizmente, tinha um primo, o Filipe, que não se importou de tomar conta do estaminé até chegar outro João que enriqueceu com o pilim que uma tia lhe mandava
do Brasil e acabou por gastar tudo em conventos e aquedutos. Com conventos a mais e dinheiro menos, as coisas lá se iam aguentando até começar tudo a abanar numa manhã de Novembro. Muita coisa se partiu. Mas sem gravidade porque, passado pouco tempo, já estava tudo arranjado outra vez, graças a um mânfio chamado Sebastião que tinha jeito para o bricolage e não era mau tipo apesar das perucas um bocado amaricadas. Foi por essa altura que o Napoleão bateu à porta a perguntar se o Pedro podia vir brincar e o irmão mais novo, o Miguel, teve uma crise de ciúmes e tratou de armar confusão que só
acabou quando levou um valente puxão de orelhas do mano que já ia a caminho do Brasil para tratar de uns negócios. A malta começou a votar mas as coisas não melhoraram grande coisa e foi por isso que um Carlos anafado levou um tiro nos coiratos quando passeava de carroça pelo Terreiro do Paço. O pessoal assustou-se com o barulho e escondeu-se num buraco na Flandres onde continuaram a ouvir tiros mas apontados a eles e disparados por alemães. Ao intervalo, já perdiam por muitos mas o desafio não chegou ao fim porque uma tipa vestida de branco apareceu a flutuar por cima de uma azinheira e três pastores deram primeiro em doidos, depois em mortos e mais tarde em beatos. Se não fosse por um velhote das Beiras, a confusão tinha continuado mas, felizmente, não continuou e Angola continuava a ser nossa mesmo que
andassem para aí a espalhar boatos. Comunistas dum camandro! Tanto insistiram que o velhote se mandou do cadeirão abaixo e houve rebaldaria tamanha que foi preciso pôr uma chaimite e um molho cravos em cima do assunto. Depois parece que houve um Mário qualquer que assinou um papel que nos pôs na Europa e ainda teve tempo para transformar uma lixeira numa exposição mundial e mamar duas secas da Grécia na final.
E o Cavaco?
O Cavaco foi com o Pai Natal e o palhaço no comboio ao circo.

FIM

sábado, abril 08, 2006

Agora percebo o post anterior...



Humm... não deve ter sido o Horácio da barbearia que colocou este sinal...



ou então vejam este exemplo: "proibido circular a mais de 30 na ribeira"

sexta-feira, abril 07, 2006

Desta é que viraram a carroça!!


Ver para querer! Possa, aínda dizem que eu sou bom fotógrafo...vão só espreitar ao blog mais visitado da região, que anda na casa do 60º/70º lugar no ranking nacional....Até dei dois coices no ar quando vi o aparato!!Alguém se me anda a antecipar...!! Até a carroça vira!!

(cliquem neste se querem ver)
http://www.mafiadacova.blogspot.com/

quarta-feira, abril 05, 2006

A SER VERDADE ( E PARECE QUE O É ), SERÁ MAIS UM ATENTADO À SAÚDE DE TODOS NÓS!!!


(Penso que isto deverá ser objecto de estudo dos especialistas na matéria...)
- Mais uma desgraça para a humanidade !
POWERLINE é um novo sistema de distribuição de Internet e telefone
digital, através da rede eléctrica. Em Portugal a ONI está a desenvolver
este sistema em algumas zonas de Lisboa, mas ainda em fase experimental.
O POWERLINE funciona da seguinte maneira: nos postos de transformação da
EDP são instalados os servidores de Internet e telefone digital, estes
servidores transmitem o sinal em altas frequências (HF) com potência
suficiente para percorrer a rede eléctrica até chegar às casas dos
consumidores. Nas casas dos consumidores são instalados modems próprios
para POWERLINE, estes modems são ligados a uma tomada de electricidade
para emitirem também para a rede da EDP sinais de altas frequências (HF)
com potência suficiente para conseguirem chegar aos servidores instalados
no postos de transformação da EDP. Portanto os sinais de POWERLINE passam
a circular pelos cabos da EDP, cabos esses que não têm qualquer blindagem
(não são cabos coaxiais), então os sinais de alta frequência saem dos
cabos e são irradiados para o ar passando a estar presentes em toda a
parte. Estes sinais são em altas frequências em banda larga, entre os 8000
KHz e os 30000 KHz. Diz-se que os cabos eléctricos que transportam
electricidade a 50 Hz já fazem mal à nossa saúde, há quem proteste por ter
as suas casas debaixo de cabos de alta tensão que mais uma vez chamo à
vossa atenção, são cabos que transportam 50 Hz, agora imaginem com o
POWERLINE passam a circular altas frequências de 8000 KHz aos 30000 KHz
por toda a parte, porque estas frequências por serem muito elevadas saem
dos cabos e vão para o ar atingindo-nos a todos nós !!! Este sistema é
altamente perigoso para os humanos, assim como para todos os outros
animais, ou seja este sistema provoca o CÂNCRO. A leucemia tornar-se-á
uma doença muito comum em grande parte da população das grandes cidades
onde o POWERLINE estará em funcionamento !
Mas não ficamos por aqui, além de ser muitíssimo perigoso para a nossa
saúde, também trará muitos outros problemas, como interferências nas
nossas televisões, mesmo para quem tem TV Cabo, interferências enormes nos
nossos receptores de rádio, telefones, intercomunicadores, walkie-talkies,
etc... Estas interferências poderão mesmo acabar com a escuta de rádio
por completo.
Para os cibernautas: não queiram a Internet por este sistema, além de ter
todas as desvantagens que já mencionei, é um serviço de Internet péssimo,
cheio de falhas e muito instável, devido às muitas interferências que
circulam por toda a rede eléctrica, interferências de electrodomésticos,
lâmpadas fluorescentes, todo o tipo de motores, fábricas, etc...
Se querem Internet com qualidade, usem os serviços de ADSL que são os
melhores em todos os aspectos.
O POWERLINE foi proibido na Alemanha, Itália, Japão e outros países.
Perante tal ameaça, vamos ficar de braços cruzados à espera que a ONI e
EDP, com o consentimento da ANACOM, avancem com este projecto monstruoso e
absurdo, para que a ONI e a EDP enriqueçam ainda mais à custa da nossa
desgraça ?
NÃO, TEMOS QUE PROTESTAR ! Mandem e-mails para a ANACOM, para o governo,
para a assembleia da república, etc...
E NÃO QUEIRAM O POWERLINE NAS VOSSAS CASAS.
DIGA NÃO AO POWERLINE !

segunda-feira, abril 03, 2006

Os Transformistas do século XXI e o desperdicio dos inertes...

Torre do tombo

O Cortiço


Em cima - podem observar a Torre do tombo, inspirada num projecto dum calabouço a torre como muitos poderão pensar de forma errónea, nada tem a ver com os arquivos nacionais sitos na Alameda da Universidade em Lisboa. O nome prende-se ao facto da catacumba ter sido idealizada com vista a dificultar o acesso dos idosos e deficientes ás assembleias de freguesia, normalmente realizadas no último andar (quem disse que eram burros quem foi?). O nome depois foi mais fácil, o próprio povo se encarregou de baptizar mais uma obra do estilo Ramosino com os berloques Alfrepidescos, que aquando das assembleias dizem idosos e deficientes motores, com toda a razão: “… não posso lá ir porque eu tombo”, vai daí e pimba, “Torre do Tombo”! Um lugar escuro e mórbido e acanhado comparável ao interior da torre da igreja á noite, realmente medonho, não tem corujas mas de vez em quando vagueiam por lá alguns fantasmas que costumam fazer umas horitas extras a assombrar as mesas de voto. Deveras arrepiante.

Em baixo – Mais um edifício do estilo cujo nosso leitor já reconheceu…exactamente, esse mesmo! Uma garagem de dumper e arrumação da brigada “dumper trash and fred” disfarçada de posto médico. O nome, mais uma vez o povo se encarregou da tarefa do baptismo: “O Cortiço”! E pergunta o nosso leitor “Porquê?”. -E pergunta muito bem, se ainda lá não entrou. Depois de tarefa árdua e campanhas de denegrimento do posto médico antigo da Casa do Povo (que boicotou e fez boicotar durante anos), o actual executivo lá consegui trazer para aqui o posto médico e disfarçar a antiga garagem e sala de chuto canina em posto médico, é de facto de uma criatividade de louvar bem como a capacidade sobrenatural de metamorfosear instalações que funcionam em instalações de funcionamento precário, querem ter só por ter, são como os menino, possessivos, enfim, coisas de imperialista…Dizem que se entram as macas, os maqueiros já lá não cabem e que nos crucifixos lá colocados o JC tem de estar de braços fechados…vá-se lá compreender…irra que é dose!

Eu no ultimo frete que fiz com a mula a Casegas...

Clique no link seguinte:

http://www.anos60.com/portugal/mula.htm

(contributo do 3facadelas)

domingo, abril 02, 2006

Enxergam-se? Que vergonha...


Não têm vergonha meus senhores?

Desde que foi “reparada” a água (que jorrou largos meses largos litros rua abaixo) da fonte do Santo António, que se perpetua a inconfundível e já habitual assinatura da prestação dos vossos exímios serviços, a vossa marca registada no malfadado monumento.

Porque não procederam na altura os senhores á instalação de uma nova canalização em vez de “enfiarem” ali com aquele tiro de zagalote. O facto ultrapassa a abrangência do meu juízo. A única hipótese que ocorre de momento, é a de que o funesto buraco venha a servir para que os responsáveis de tamanha barbárie escondam lá a cabeça!

Se não é para preservar e servir de marco histórico, então para que se colocam lá a merda das datas?

Quem disse aos senhores trolhas que eram alfaiates?!!

sábado, abril 01, 2006

Ó senhor "Policia", pooossa...assim também é demais..

Sabemos que ninguém liga a este...


(clique para aumentar)
Mas mande pôr aqui um destes...E se o senhor fosse camionista, gostava?

a minha ironia... uma triste realidade

Serve o presente para saudar essas honarabilíssimas pessoas que são os Senhores Becas e Céu Vaz Barda Merda, marido e mulher, Viscondes do Monte do Esterco, mordomos da Irmandade "Da minha boca só sai porcaria", confrades da Confraria "Se a estupidez matasse eu nem sequer tinha nascido, modelos de perfeição e patronos do corta na casaca!!
Estas duas pessoas são os que mais fizeram por Casegas em todos os seus séculos de existência, pelo que merecem, sem dúvida alguma, um cantinho no altar da nossa Igreja. Um verdadeiro exemplo a seguir...
Já agora, aproveitava também para solicitar aos Viscondes do Monte do Esterco que fizessem o favor de limpar a pocilga de galinheiro que têm lá à porta por 3 grandes razões: a primeira fica-se pelas meras questões visuais, a segunda prende-se com o nefasto mau cheiro que de lá brota, e a terceira deve-se à minha preocupação com a tal da gripe dos passarocos, abetardas, gralhas e afins, já que o estado em que aquilo está constitui um verdadeiro ninho de vespas, qual caixa de Pandora.