Ocorreu um erro neste dispositivo

sábado, julho 25, 2009

Novidades de casegas não tenho...enviem-me vocês

Hoje apetece-me ser eu! Posso?

Foi desta que me desprendi da terra. O que tem de ser é que tem força...o "adeus" inevitável à CPC , à qual já não conseguia dedicar muito do meu tempo...bestial enquanto havia tempo, besta quando deixou de haver. Ficou a obra, é o que importa. A instituição para mim há-de valer sempre mais que o individuo. De mim, daqui por uns anos já ninguém se lembra, mas a CPC está lá viva e isso é que importa. Os tempos da CGTP ensinaram-me a olhar primeiro pelos outros...É bom?É mau? Sei lá...sinto-me bem assim, quero lá saber...!
Boa sorte sempre para quem queira manter a CPC de pé (de forma desinteressada...sim, porque meia volta aparece um malabarista ou outro e há que estar atento, denunciarei sempre.), e sempre que eu possa ajudar a associação é só abrir a boca que eu lá estarei (se puder claro), quem me conhece sabe que desde os meus 10/11 anos de idade que assim é.
Deixei uma coisa por fazer...propor o Zé Mário para sócio honorário e dizer que estes titulos não se compram, adquirem-se com trabalho e dedicação. Numa segunda linha, se se pode dizer, um dia alguém se lembre também, dum Rui Carvalho, dum Balocas (apesar de alguns exessos. Mas quem não erra?), dum Gabriel, dum Joaquim Amaro, dum Ruben, o Joaquim Serrão, agora mais afastado, mas não deve ser esquecido...e o Jóia! O Jóia Siiiim!!!Desta gente que sempre se manteve fiel à associação com a sua dedicação da forma que soube e pôde.

O "adeus" a Casegas, Covilhã, Serra e alguma boa boémia ao bom estilo caseguense, a identidade de um povo!
As voltas da vida...melhores dias virão...

Depois da passagem pelo Hotel Turismo e H2otel em Unhais da Serra , um reencontro com a minha colega de curso e amiga São, actual Chef da Arca dos Sabores no Clube de Campo da Covilhã e com o meu professor-mentor, que me ensinou a andar: o ganda maluco Chef Orlando , actual Chef executivo dos hotéis da Natura IMB Hotels com quem me orgulho de ter trabalhado mais uma vez e com quem aprendi mais umas coisitas claro. Tive aí oportunidade de conhecer a aprender umas coisitas com o brasileiro Valdir Lubave expert em cogumelos, Chef da Pousada de Belmonte com um curriculum invejável. Nunca mais me vou esquecer do "Rui, larga essa pôrra e vem lá pa Unhais!". Quem me dera trabalhar com ele hoje...
Este dá pano para mangas, é uma malha! Deixava-me "a ler"...simplesmente genial o Valdir!

Mas como quem mais paga, mas amigo é, e até me dá um jeitão o dinheiro, não que eu lhe ligue muito, mas porque preciso dele...Ala que se faz tarde!
Hoje vivo aqui, numa antiga adega transformada em Hotel rural, que pertence também ao Cortiço: Villa Meã , longe de tudo, mas muito fixe. Dá para plantar umas ervas aromáticas para passar o tempo das folgas, já trouxe um serpão, vamos a ver é se se safa...há também alecrim, e alfazema ou lavanda, e já plantei também, hortelã-pimenta, salva e estragão...vamos a ver é se se safam heh!

Armanda com quem tenho diariamente formação intensiva de linguagem gestual. Não ouve mas percebe tudo; Pestana, imigrante brasileiro, que começou do nada, mas agora já mete "os gamelinhas" da sala "na lama". Ainda se escalda e corta às vezes e grita "Ai buceta!", mas já se safa bem. Nas horas vagas é o Zézé Camarinha de Viseu, um pinga-amor.
Eu e Claudio Pimenta, fiel companheiro que me ajudou na integração no famoso "Restaurante Tipico O Cortiço" . Excelente profissional! Emigrou para a Suíça. Abraço Claudio e boa sorte!

Se alguém se lembrar de vir fazer um visita, não o faça sem fazer reserva. Isto no verão é pior que Fátima, e acreditem que não estou a exagerar nada...!Tem dias que enche e esvazia 3 vezes!Entra e sai, entra e sai que nem as abelhas para o cortiço. Ando sempre no lodo...todos os dias!
ASAE aqui "risca" pouco...higiene tá tudo bem, mas cá o presuntinho pendurado, a panela de ferro e o jarro de madeira..."Não há puta que arreganhe a beiça!". Olha, por falar em beiça o 1º ministro da ASAE queimou-a cá a comer arroz de carqueija que vai em caçoulos de barro preto por vezes quase incandescentes para a mesa. Vá, qué pa ver se abres a pestana!
Um agradável visita à cozinha...Rita Guerra. "Empaturrei-me de comida!", disse...Quem diria?
Ao lado o Zé, irmão do Claudio, semítico e forreta até à quinta casa, não envia fotos por mail para não gastar internet. SMS, também é mentira. Mas no fundo não é dos piores... O sorriso amarelo é por causa dos pijamas novos que o Ti Sarafa (Sr. Serafim, o patrão) nos abrigou a vestir...mesmo à padeiro...! Dasss! São estes contratos manhos dos FDP da "Elis", que nunca viram uma farda à frente e depois põe-se a inventar estas merdas apaneleiradas à estilista de trazer por casa.
Até comentei "ó Rita, peço desculpa por teres de tirar foto comigo vestido com estas calças de pijama". E ainda há dias disse ao Fernando Mendes, ao gordo, se não queria levar estas fatiotas todas para a montra do "Preço Certo", mas não tive sorte...
Com o Paulo Gonzo...tipo porreiro e de bom trato! Um "tá-se bem"!
...e hoje esta agradável surpresa dos meus companheiros das andanças a Velha Gaiteira (esta é que é...quanto mais velha melhor!) que passou por aqui a caminho do Festival Tribal de Nelas e de mais uma edição de "L'Burro i L'Gueiteiro" em terras de Miranda do Douro. Sempre a bombar estes! Ainda não é desta que vou a Miranda companheiros!
Ah, afinal tenho uma noticia de Casegas: A CPC estará também representada com um dos seus bombos que foi solicitado pelo artesão Telmo Valezim, dos Tok´Avakalhar para uma exposição de instrumentos tradicionais, integrada no "L'Burro i L'Gueiteiro" .
Ai as cobertas de fitas! Se a minha mãe sonha...!


Ah, pediam-me comentar da desresponsablização das entidades competentes que se demitem dos seus deveres. Sim, é verdade, a JFC deve dinheiro à CPC, pois prometeu-o sempre a cada ano a que presidi à associação, mas nunca o recebemos.
A JFC tem uma verba destinada às associações. Que é feito desse dinheiro?
Queriam entregá-lo em cima de um palco duma festarola qualquer para inglês ver?
"- AAAAh, estão a ver, uma esmolinha para a CPC, assim é que é, vamos erguer-lhe uma estátua na eira!"
Não tenho jeito para fantochadas, lamento!
Como se o dinheiro fosse deles e não dos impostos que pagamos todos para ajudar as colectividades!
O que me incomoda mais ainda, é que este tipo de atitude, já está normalizada e ninguém acha absurdo! A estupidificação no seu melhor!
Até porque as verbas das associações, são suas,das associações por direito e não das Juntas, as Juntas são apenas intermediárias, os correios vá...

Estas verbas, são entregues a quem?
Jesus Cristo, o maior comunista que passou por este planeta, dizem, ensinava a partilhar o pão...agora não vamos deixar de seguir a palavra do senhor só porque afinal o rapaz seria de outra cor que não a laranja?
Todos têm direito ao pão...e se houver vinho também!
Sim, porque até aí já houve deturpação, porque nas suas patuscadas com os apóstolos, Cristo dividia o tintol com os seus camaradas...a coisa agora já não é bem assim...
Cá para mim, as contas de sumir começaram com esta deturpação...assim de mansinho e tal "ah, é só pa limpar aqui umas miolitas, nem é pa beber tão a ver?"É só para não deitar fora que é estragação..."
Agora já nem isso, o descaramento é total:

-O tintol é meu, é meu até ao fim e só só dou a quem me apetecer!
Por amor de Deus, vejam lá se dividem os papo secos e o tintol como deve de ser...
A JFC, deve dinheiro à CPC sim! Façam o favor de dar o seu a seu dono! Bem hajam.


"Vocês podem-me acorrentar, torturar e até destruir meu corpo, mas nunca aprisionarão minha mente." (Gandhi)


“Eu não tenho vergonha de dizer palavrões, de sentir secreções. As mentiras usuais que nos fodem subtilmente, essas sim são imorais, estas sim são indecentes.”(Leila Miccolis)


"Do rio que tudo arrasta se diz violento, mas nao se dizem violentas as margens que o oprimem"



Até um dia destes! E um abraço da terra do gajo que batia na mãe!






11 comentários:

J.A disse...

Eu tiro o chapéu a este post Rui Jorge

Caseguense disse...

Faço minhas as palavras do J.A. Aproveito também para tirar o chapéu à foto com a Rita Guerra: um luxo.

Leitora assídua disse...

Delícia de escrita. O autor uma delícia também. Felicidades Rui.

famel disse...

Ah então é para esses lados que tu andas!
Que tenhos boa sorte por essas bandas. E dizer as verdades nunca fez mal a ninguém!

Ivo disse...

ora mai nada assim e que e ja dezia o outro quem fala assim n e gago.
um abraco pra ti rui

Anónimo disse...

e dizes tu que não gostas de aparecer na foto

Manjedoura disse...

Apareço mas não é às tuas custas e nunca às custa de instituições.
Tens inveja? Quando me vires deixo-te tirar uma comigo, não cobro a 1ª vez.

Um abraço e um bem haja aos restantes comentadores, famel, Ivo, etc.

daviduarte disse...

esta que tens no teu perfil sei eu quem tá tirou... bonitinho o chefe!
agora que já sei ao certo onde estás, lá vou ter de ir encher a pança com os teus cozinhados. abraço

João Pedro disse...

Conheço, mai-ó-menoszm, Casegas e algumas gentes há já alguns tempos. Há umas décadas a banda filarmónica vinha aqui á Barriosa quase todos os anos. Com as voltas da vida, passei eu a ir a Casegas anos a fio. Tenho uma destilaria na Barriosa e compro os medronhos a algumas pessoas daí. A malta p'raí explora bem os ervedêros cujo fruto tb me dá inebriantes sonhos etilicos. Long spirits my friend! São os vapores...
Um destes dias passo aí em Viseu a deixar-te uma pinga dela. Cumprimentszm.

Manjedoura disse...

Apareçam!
Um abraço para todos.
Amigo João Pedro, aparece! Levarás uma garrafita de "levanta mortos", que eu próprio fiz também. E está na forja outro novo...

João Pedro disse...

Olha Rui,
quando destilares o medronho desta safra (ainda é um pouco cedo p'ra colher. Aliás, algumas pessoas aí da terra são lampeiras a ir apanhar o medronho. É a ansia de chegar primeiro! Apanhar mais! ganhar mais! A fruta verde não dá bom álcool). Mas dizia eu, quando destilares, assa uma chouriça na fornalha do alambique, bebe um copinho do bom e seguir remata com UM CALES D'ELA. Isto em boa companhia... Vais ver! Essa medronheira nova, sabe que É UM REGALO!
Até á Prox.