Ocorreu um erro neste dispositivo

quinta-feira, setembro 16, 2010

Gosto de dizer palavrões



«Se há palavras realmente repugnantes são as decentes.» «É pior falar mau português do que falar mal em bom português»... «E, para obscenidade, já basta a vida em si.»
O Largo de São Carlos serve de abrigo para a poesia erótica e satírica. Rita Blanco, Miguel Guilherme e Diogo Dória emprestam o corpo e a voz aos poemas de Bocage, Alexandre O'Neill, Mário Henrique Leiria, Mário Cesariny, Bernardo Soares, Alberto Pimenta, Pedro Mexia, Miguel Esteves Cardoso, Adília Lopes, entre outros.

1 comentário:

Anónimo disse...

eu estive lá e foi dos textos mais cómicos e com um português mais bem articulado que eu já tive o prazer de ouvir